CONSIGNAÇÃO IRS

De 0,5% em 0,5% podem contribuir para a missão da Cáritas. Basta consignarem 0,5% do vosso IRS.

 

A nossa intervenção de social | 2016

 

Movimento Social

 

Famílias apoiadas

449

Atendimentos sociais

1.403

Agregado familiar correspondente

3.362

Novas famílias

149

Roupeiro Social

Famílias atendidas

377

Agregado familiar correspondente

1.135

 

Custos do atendimento social

Alimentação    a)

€ 8.459,22

Cabazes de Natal   (287 cabazes  oferecidos)

€ 7.702,98

Pagamento da electricidade

€ 12.522,03

Pagamento da água

€ 5.064,89

Pagamento de gás

€ 3.099,28

Pagamento de rendas de casa

€ 20.311,99

Despesas com a saúde

€ 16.614,17

Apoio Escolar (Propinas e ajuda escolar)

€ 3.306,12

Apoio a funerais

€ 1.150,00

Outros custos de Apoio Social b)

€9.141,64

TOTAL

€ 87.372,32

 

Despesas de Funcionamento    c)

€ 26.772,39

 

a) Nesta rubrica não estão contabilizados os géneros doados com frequência pelo Banco Alimentar e por particulares.

b) Estão englobados apoios de pagamento de deslocações a hospitais, compra de electrodomésticos, mobiliário, pequenos obras em habitações, etc.

c) Pagamento de salários do pessoal, encargos sociais, seguros, comunicações, compra de material de escritório, etc.

Salientamos que as despesas de funcionamento com o pessoal são irrelevantes para o trabalho da responsabilidade da Cáritas, administrativo e de atendimento social.

A maior parte do serviço é executado por elementos da Direção, em regime de voluntariado e a custo zero.

 

Roupeiro Social:

Na Rua da Bandeira, em prédio da Diocese, funciona o Roupeiro Social, dirigido e organizado pelas senhoras que integram a Direcção da Cáritas e coadjuvadas por voluntários oriundos do Banco do Voluntariado. O Roupeiro Social funciona semanalmente, com bastante afluência, onde é oferecido, para além das roupas, louças, mobiliário e outros artigos que recebemos como oferta da sociedade civil.

 

Como habitualmente, as contas serão espelhadas no Balanço e Relatório de Contas e de Actividades a elaborar pelo Gabinete de Contabilidade.

 

DESPESAS DE FUNCIONAMENTO  (C)

€ 26.772,39

 

Semana Nacional da Cáritas | 2017

 

 

Levo calor aos Refugiados’

Segundo a Cáritas Grécia “Estão a queimar tudo o que podem para se aquecerem, o que é extremamente perigoso e coloca os locais em forte risco de incêndio”.

A Cáritas Portuguesa lançou, em 18 de Janeiro, a campanha nacional “Levo Calor aos Refugiados” para auxiliar os refugiados e as populações mais vulneráveis que se encontram no Leste e Sul da Europa, em condições inumanas, muitos correndo o risco de morrer devido às baixas temperaturas que assolaram o continente.
“Durante a noite, as temperaturas baixam até aos -20ºC em algumas zonas. Milhares de refugiados dormem em barracas feitas de pano dos sacos que, outrora, levaram arroz ou farinha. Porque são tantos que nem todos cabem nessas barracas, muitos vivem ao relento, outros em campos ou edifícios abandonados e muitos não resistem a estas duríssimas condições. E as crianças na fragilidade das suas condições físicas? Levemos-lhes o calor do nosso donativo que é a expressão do calor do nosso coração”, apela Eugénio Fonseca, presidente da Cáritas Portuguesa.

Para que a ajuda enviada atinja a maior eficácia, a Cáritas Portuguesa precisa de enviar, o mais depressa possível, um donativo para auxiliar as famílias da população local mais vulnerável que lhes permita adquirir lenha, garantir acesso à eletricidade, comida e cobertores.

O apelo está lançado e quem quiser colaborar poderá fazê-lo através da conta "Levo calor aos refugiados", com o NIB 0033 0000 0109004015012 do Millenium BCP ou através da entidade/referência 22222 nas redes de Multibanco, até 31 do corrente mês. O apelo dirige-se, também a empresas que estejam em condições de o fazer, pois os portugueses, nos últimos anos, têm respondido com tanta generosidade que reconhecemos as suas dificuldades. Porém, sabemos que, mesmo assim, não deixarão de ser solidários. A Cáritas recorda que o pouco de muitos faz muito!

“As pessoas nem sequer podem beber água ou tomar um banho, porque a água está congelada. Não há aquecimento. As comunidades locais estão a distribuir lenha e fornos elétricos. Estão a queimar tudo o que podem para se aquecerem, o que é extremamente perigoso e coloca os locais em forte risco de incêndio.”, afirmou Maristella Tsamatropoulou da Cáritas Grécia.

Já Daniele Bombardi, coordenadora da Cáritas Italiana na Sérvia, informou que “os campos estão sobrelotados, e em Belgrado milhares de pessoas dormem ao ar livre. A Cáritas está na linha da frente na ajuda humanitária a refugiados, distribuindo roupas quentes, comida e medicamentos”.

O papel da Cáritas Portuguesa no apoio aos refugiados em invernos anteriores:
2016 – Apoio ao inverno no Líbano no valor de 25.000,00€, que proporcionou aquecimento durante 6 meses para 120 refugiados.
2016 – Apoio ao inverno na Síria no valor de 13.600,00€ para distribuição de roupas de inverno para 335 crianças refugiadas.

 

 

10 milhões de estrelas - Um gesto pela PAZ 2016

«A Operação “10 Milhões de Estrelas – Um Gesto pela Paz” é um compromisso que, anualmente, a Cáritas pretende que seja partilhado por todos os portugueses – um compromisso com a Paz no Mundo.

De 19 de novembro até janeiro de 2017, todos os que, para além de assumirem este compromisso, quiserem juntar-se à Cáritas, participando na sua missão de estar ao lado dos mais frágeis, poderão adquirir uma vela (nos seguintes locais), pelo valor simbólico de 1€, que nos ajudará a apoiar pessoas e famílias em situação de pobreza.

As verbas que resultam desta campanha, revertem, em 65%, para as Cáritas Diocesanas, que a aplicarão em projetos destinados a apoiar as famílias portuguesas em situação de carência; e em 35%, para dar resposta a necessidades de várias famílias vulneráveis de refugiados apoiadas pela Cáritas da Grécia.

"Deus não desistiu de amar o mundo e conta connosco. Quando damos com amor sincero superamo-nos, dando lugar no coração a outras pessoas mais necessitadas. E assim, num Gesto pela Paz com a Cáritas Portuguesa, estamos a colaborar para a beleza do mundo. A generosidade gera felicidade!”» (D. José Traquina, Bispo Auxiliar de Lisboa)

Pode adquirir as velas na Cáritas Diocesana, escolas, paróquias e algumas empresas, designadamente, no Pingo Doce.